Cada vez mais

| Um comentário · Comentar
(publicado pela primeira vez em 03.10.2008)
Vamos lá, admita.
Deixe seu orgulho de lado,
Esqueça do seu medo,
Confie, pelo menos agora, em mim.

Saiba que eu não falo por falar,
Não te olho por te olhar
E nem te quero por te querer
Saiba que o meu amor é verdadeiro.

Deixa de bobeira,
Eu quero ser seu melhor amigo
Eu quero te escutar quando você quiser falar
Eu quero te fazer sorrir.

Estarei contigo sempre
Não importa o que aconteça com você
Não importa o que aconteça comigo
Eu te amo, não seja receosa.

Nos momentos em que você chorar, eu te ajudarei
Enxugarei tuas lágrimas
Ficarei contigo até a dor passar
E a ferida cicatrizar, porque eu te amo!

Mas você não pode dessacreditar
Você tem que confiar
E se eu falhar, não será por te desprezar
Porque eu te amo, e sempre irei te amar.

Eu não amarei teu exterior,
Nem irei venerá-lo, apenas o admirarei,
Pois é a pessoa que vem de dentro de você
Que me fará te amar

Mas não tenha medo, pois seu interior já conheço
Seu jeitinho lindo o escancara pra todo mundo ver
E machucá-lo eu não conseguiria
Pois eu já te disse, eu o amo!

E isso não é algo cansativo, nem esgotável
Ou por acaso é cansativo ser feliz? amar?
Vamos lá, quer mais qual prova?
Eu te amo! E cada vez mais.


markinhos.com